Menu Busca

Comportamento

Do que as mulheres que estão no Paraná gostam?

Pesquisa identifica hábitos e estilo de vida das mulheres do Paraná; confira curiosidades

Nenhuma mulher é igual a outra. Mas elas dividem muitas preferências quando falamos de estilo de vida e comportamento. E isso é ainda mais perceptível quando falamos de mulheres que vivem em determinada cidade ou região, já que acabam compartilhando diversos hábitos de acordo com o estilo do local. Foi isso que a pesquisa Target Group Index  2019, que analisa os perfis de comportamento do consumidor.

De maneira geral, com base nos dados de comportamento das mulheres do Paraná é possível afirmar que elas se preocupam com a saúde, são engajadas e mantém uma rotina equilibrada – dividindo o tempo entre trabalho, lazer e família. Em relação a hábitos de consumo, o levantamento mostrou que elas são exigentes e preferem pagar mais caro sempre que isso significar melhores produtos ou marcas. Separamos curiosidades sobre o comportamento da mulher de algumas das principais cidades do Paraná. Confira:

Estilo de vida

 

Pesquisa identifica hábitos da mulher paranaense
Fonte: Kantar Ibope Midia – Target Group Index – Curitiba – BR TG 2019 II (2018 2s + 2019 1s) , Paranavaí (Maio/2019). Filtro: Mulheres.

Quando falamos de estilo de vida das mulheres, alguns dados se destacam. Por exemplo, o fato de elas gostarem de ter um animal doméstico. Nisso, as curitibanas chamam atenção, já que 64% delas possuem um pet. Dessas, 83% escolheram o cachorro para serem tutoras. Outras características da mulher de Curitiba é que 81% delas gostam de café, o que pode ser comprovado pela grande quantidade de cafeterias na cidade, que é conhecida como a “capital nacional dos cafés”. Elas também são consumidoras exigentes: 56% acham que vale a pena pagar mais por produtos de higiene e são 26% mais fiéis às marcas que os homens . Você se identifica ou conhece alguma curitibana nesse perfil?

Outra cidade paranaense que se destaca em relação ao estilo de vida é Paranavaí. As mulheres da cidade são as que mais gostam de ouvir música em todo o estado: 75% delas afirmaram ter esse hobby. Outra característica das paranavaienses é que elas gostam mais da ideia de viajar para o exterior do que os homens.

Saúde

 

Pesquisa identifica hábitos da mulher paranaense
Fonte: Kantar Ibope Midia – Target Group Index –Cascavel (Jun/2019), Londrina (Mar/2019). Filtro: Mulheres.

Você é de Cascavel ou conhece alguma mulher da cidade? Na comparação com os homens, as cascavelenses são mais ativas e se engajam mais em atividades de lazer e cultura. Além disso, 57% delas gostam mais de cozinhar do que os homens e 37% leem mais livros, também na comparação com o sexo masculino.

Além disso, as cascavelenses praticam 8x mais artesanato e vão 3x mais às aulas de dança. A cerca de 400 km de Cascavel, está a cidade de Londrina. Por lá, as londrinenses também gostam de praticar atividade física: as mulheres frequentam 46% mais a academia do que os homens.

Consumo

 

Pesquisa identifica hábitos da mulher paranaense
Fonte: Kantar Ibope Midia – Target Group Index – Ponta Grossa (Jun/2019) e Umuarama (Mai/2019). Filtro: Mulheres.

A preocupação com a qualidade dos itens de consumo é comum nas pessoas do sexo feminino. Segundo a pesquisa, as mulheres de Ponta Grossa são as que mais se destacam: 70% delas acreditam que quase sempre compensa pagar mais caro por produtos de qualidade. Já em Umuarama, o conforto, a mobilidade e a independência contam pontos e a cidade é a que tem o maior índice de mulheres que possuem carro no estado: 72% delas são motorizadas.

 Tradição

 

Fonte: Kantar Ibope Midia – Target Group Index –Foz do Iguaçu (Ago/2019), Francisco Beltrão (Jun/2019). Filtro: Mulheres.

As paranaenses também dão bastante valor às tradições. De acordo com o levantamento, as beltronenses, que é como são chamadas as nascidas em Francisco Beltrão, são as mulheres mais tradicionais do Paraná. Segundo a pesquisa, 93% delas afirmaram respeitar as tradições e os costumes. Já as de Foz do Iguaçu são as que mais consideram a fé algo realmente importante, opinião compartilhadas por 91% das iguaçuenses.

Fonte: Kantar Ibope Midia – Target Group Index –Maringá (Jun/2019), Pato Branco (Jun/2019). Filtro: Mulheres.

Quando falamos em relacionamentos, o dado que mais chamou a atenção foi sobre o status das mulheres de Pato Branco.  63% das patobranquenses são casadas ou moram com seus parceiros.

Ainda falando de tradição, a pesquisa também mostrou que, mesmo em meio ao mundo digital e às novas formas de comunicação, na cidade de Maringá 72% das mulheres afirmaram confiar na televisão para se manter informadas. Isso mostra a confiança e a força que o veículo ainda exerce quando falamos em levar informação para a população. E mais um dado interessante: dentre essas mulheres, 81% delas assistiram à RPC nos últimos 30 dias.

Quem são as mulheres que acessam os sites da RPC?

Outro recorte da mesma pesquisa trouxe dados que mostram mais preferências, anseios e objetivos das mulheres de Curitiba e região metropolitana. Confira alguns dados importantes:

Mídia com foco em resultado

Você já conhecia essas informações? Que tal aproveitar esses dados para criar campanhas mais assertivas e que conversem diretamente com seu público?  Entre em contato com nossa equipe de atendimento para saber como atingir seu target investindo em companhas direcionadas.

 

Artigos relacionados

0 respostas para “Do que as mulheres que estão no Paraná gostam?”

Deixe uma resposta