Menu Busca

Comportamento

Empoderamento feminino: informações e insights em um e-book exclusivo!

Empoderamento feminino não é moda: é a representatividade das mulheres em todos os setores da sociedade. Enquanto elas ainda enfrentam desafios diários relacionados à carreira, maternidade e independência, abre-se um grande espaço para as marcas. É sobre isso que falamos hoje! Como conectar-se com estas mulheres superpoderosas? Quais são seus anseios e os valores que mais importam na sua rotina? Vamos juntos descobrir com um e-book exclusivo.

Não faz muito tempo que o termo empoderamento feminino entrou em pauta nas discussões sobre o papel da mulher na sociedade. Mas a luta é antiga. A diferença é que agora existem mais meios para falar sobre o assunto e trocar experiências. Há também mais espaço para todo mundo assumir novos papéis – inclusive as marcas.

A plataforma MindMiners realizou um estudo com 1.000 mulheres em 2017 para tentar encontrar um retrato mais aproximado destes novos papéis – e até do próprio feminismo.  Algumas das informações do estudo estão no e-book que você pode baixar ao final deste conteúdo.

Mas antes disso, vamos ver alguns insights?

No estudo*, quase metade das mulheres não se declarou feminista.  Mas a maior parte associou a palavra “mulher” com ideais de luta e resistência.

Outra descoberta interessante: a forma como as marcas as representam nem sempre define a decisão de compra – 34% afirmam que levam este posicionamento em consideração. Mas as marcas que objetificam mulheres são evitadas por 46% das entrevistadas.

Diante disso…

Feminismo e empoderamento são temas que devem ser tratados com carinho pelas marcas, sim. Mais do que isso: é preciso ir além dos modismos. Hora de criar conexões, engajar-se com os anseios deste público poderoso e trazer valores realmente igualitários para dentro dos negócios. Está lançado o desafio!

Que tal relembrar alguns conteúdos que têm tudo a ver com o tema?

Começamos com um texto que fala sobre a mudança de mindset para os negócios. Pessoas e marcas nunca estiveram tão conectadas e o professor e doutor em multimeios de comunicação, Ary Azevedo,  reforçou para o De Olho: “Para não ser apenas oportunismo de mercado, a mudança precisa acontecer na estrutura da organização”.

Para Ana Couto diretora executiva da Ana Couto Branding, materializar os valores da marca é condição essencial para falar com todos os públicos, especialmente as mulheres. Leia o conteúdo completo aqui. “As marcas precisam falar e fazer: elas só crescem se construírem propósitos, gerarem novas atitudes”.

Dia Internacional da Mulher: falta um mês

Preparamos um material especial, cheio de informação. São dados do estudo da MindMiners e informações da Kantar IBOPE Media. Além de resultados, números e curiosidades, você também vai conferir alguns pontos importantes para as mulheres do Paraná.

Vamos juntos ler! Tem insights especiais para entender melhor o papel das marcas no universo feminino e agregar propósito à sua rotina de negócios.

Quando for pensar nas suas ações para o Dia Internacional da Mulher deste ano, converse conosco! Vamos juntos criar uma campanha que vai deixar sua marca pertinho delas.

#DeOlhoNoMercadoRPC no Dia Internacional da Mulher!

*MindMiners – estudo realizado entre 27 de abril e 2 de maio de 2017. Amostra: 1.000 mulheres

Artigos relacionados

1 respostas para “Empoderamento feminino: informações e insights em um e-book exclusivo!”

  1. Alessandra Zampiva says:

    Acredito muito que o autoconhecimento é o fator principal para um EMPODERAMENTO genuíno.

Deixe uma resposta