Menu Busca

Economia e Setores

Setor de construção cresce e Paraná avança com novas lojas

De olho na retomada do setor de construção, Nichele se prepara para abrir 06 lojas em Campo Largo e Araucária.

O PIB (Produto Interno Bruto) do setor de construção cresceu 2% no segundo trimestre em relação ao mesmo período de 2018. Comparando com o primeiro trimestre deste ano, o acréscimo da construção foi de 1,9%. Este resultado é superior ao PIB total brasileiro, que subiu apenas 0,4%. Trata-se do primeiro resultado positivo do ramo após cinco anos (20 trimestres) seguidos de declínio. Os números foram apresentados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O principal motivo da melhoria é a construção imobiliária, impulsionada pelo consumo familiar de materiais de construção. Não foi percebido o mesmo progresso nos setores de construção pesada, como rodovias, indústrias e saneamento.

Indústria de materiais de construção cresce em agosto

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat), em agosto, o faturamento da indústria de materiais de construção aumentou 0,8% na comparação com julho e 2,8% frente ao mesmo mês do ano passado. No acumulado de 2019, o faturamento foi 2,1% superior. Em 12 meses, a indústria de materiais de construção registra crescimento de 1,5% .

Com relação às vagas de emprego, a pesquisa da Abramat apurou que o resultado de 2019 segue estável e positivo. Em agosto, foi observada alta de 0,2% nas vagas do setor em comparação a julho. Nos últimos 12 meses, a alta é de 1,2%.

“Podemos falar na continuidade de um reaquecimento gradual do setor. Ainda temos desafios importantes como a reação do mercado imobiliário, a retomada de obras de infraestrutura de maneira sistemática. Também tem a aprovação de reformas estruturantes para melhorar o ambiente de negócios. Por outro lado, o aquecimento das vendas de materiais de construção ao varejo ajuda a sustentar o crescimento do otimismo.”  Rodrigo Navarro, presidente executivo da Abramat.

Nichele expande no setor de construção

 

setor de construção
Nova loja Nichele em Santa Felicidade

A paranaense Nichele Materiais de Construção é um bom exemplo do setor. Com a quinta loja no bairro de Santa Felicidade recentemente inaugurada, está se preparando para abrir a sexta loja em Campo Largo e uma em Araucária até fevereiro de 2020. Segundo o diretor comercial da rede, Cristiano Nichele, cada loja aumenta cerca de 70 funcionários diretos e gera mais 30 empregos indiretos. Além disso, a companhia irá lançar sua loja virtual própria ainda este ano.

“Por acreditarmos no Brasil, resolvemos aumentar nossos investimentos. Em 2019 já alcançamos um crescimento de 10% em comparação com 2018. Isso graças às campanhas atrativas que fazemos para o clientes, com promoções de preços e prazos. Para o ano que vem acreditamos em um crescimento maior de venda real e rentabilidade. Tudo isso graças às recentes expansões”, afirma o diretor.

setor de construção

 

Leia mais em:

Setor imobiliário se prepara para a retomada

Acompanhe a home da RPC e nossas redes sociais: Fan pageTwitter Instagram.

Quer estar por dentro das nossa programação? Baixe o aplicativo da RPC

Artigos relacionados

0 respostas para “Setor de construção cresce e Paraná avança com novas lojas”

Deixe uma resposta