Menu Busca

Conteúdo

Mídias da Rede Globo dão dicas #PEGAaVISÃO para profissionais da área

Neste 21 de junho, Dia do Mídia, conheça um pouco sobre como pensam e as principais tendências que os profissionais da Rede Globo têm a compartilhar.

Nesta terça (21), é celebrado nacionalmente o Dia do Mídia: os profissionais ligados à área da comunicação – TV, rádio, impressos ou internet – que a cada dia ganham papel mais estratégico nas mídias das empresas.

O De Olho No Mercado bateu um papo com dois profissionais da Rede Globo experts na área, André Vinicius e Larissa Medialdéa. Ambos compartilharam suas experiências na profissão e, também, as principais tendências e conselhos para os Mídias do presente e futuro.

Papel mais estratégico

André é diretor de negócios com agências da Rede Globo, com mais de 20 anos de experiência e uma experiência vasta na criação de soluções para companhias dentro da mídia.

“Eu acho que hoje o profissional de Mídia é mais estratégico, à medida que ele não entrega mais só planejamento de mídia e execução, como era no passado”, avalia. “Nós temos alguém muito mais conectado, com públicos específicos e mais aderentes, assim como as marcas e produtos. Paralelamente, o Mídia também tem um papel de criatividade: saber pensar em formas para usar os recursos de que dispõe”.

O diretor pondera que, de maneira exponencial, houve um aumento e fragmentação das possibilidades de comunicação em um período curto de tempo, com a ascensão dos meios digitais. Por isso, ele acredita que o papel de mensuração e avaliação das plataformas e veículos é o que exige essa visão mais estratégica.

Larissa, que é agency education lead na Rede Globo, ressalta a importância da visão de negócios do Mídia atualmente. “Todo e qualquer movimento ou decisão de investimento, está mirando no resultado do cliente: é cada vez menos pensar como ‘linha de custo’ e cada vez mais pensar como ‘linha de receita’”, destaca.

Tudo que é inédito gera mais engajamento

Como principal tendência no audiovisual atualmente, André utiliza como exemplo o atual fenômeno de audiência da Rede Globo, o remake da novela Pantanal. Além dos números positivos no Ibope, a trama tomou conta das discussões nas redes sociais.

 

“Faz parte da nossa estratégia lançar conteúdos com essa dinâmica, em que você consegue permear diferentes meios. Com o público engajado, você aumenta os pontos de contato. As novelas, assim, beneficiam outros programas da grade que ficam próximos a elas”.

 

André cita como exemplo recente o especial do Altas Horas, exibido logo após o Pantanal, em homenagem ao cantor Fábio Júnior, que foi recorde de audiência. “Em um mundo de ‘on the demand’, tudo que é inédito ou ao vivo chama mais atenção”, enaltece.

#PEGAaVISÃO das tendências: multiplataforma “de fato”

Larissa dá a dica #PEGAaVISÃO para as tendências de mídia do presente e futuro: o pensamento multiplataforma “de fato”: como integrar a jornada desse consumidor dentro do que você vai planejar em uma estratégia multicanais?

“Com a ascensão das plataformas, acabou se falando muito de marketing de performance, que é algo muito mais para conversa direta e imediata, ou o ‘final do funil’, uma linguagem mais do remarketing. Mas não dá para você fazer o ‘re’ sem fazer marketing”, complementa André, ressaltando a importância do investimento no topo do funil para a criação do reconhecimento de marca.

O diretor destaca que ambas as situações são importantes, mas no topo de funil você consegue criar o interesse pelo produto e serviço, capturando novos leads. “No final do funil já existe esse interesse, uma intenção de compra ou necessidade”, diz. “Mas você não pode deixar de construí-lo, estando presente nos territórios mais aderentes das marcas. Ter esse olhar mais holístico”.

O profissional de Mídia com a mentalidade #PEGAaVISÃO

E qual o recado para o mercado? André e Larissa também dão conselhos ao mercado, tanto às marcas quanto os profissionais que buscam ter o conhecimento que mais agrega à função.

“Do plim ao play, relevância é aqui com a Globo”, sintetiza André. “Quando eu comecei minha carreira, o profissional de Mídia era alguém muito curioso, apto por conhecer novos formatos, soluções e entender o mercado. Hoje, em quem está começando, a gente não percebe esse interesse tão grande no conhecimento de todo o ecossistema”.

Larissa complementa essa visão, reforçando que o conhecimento do profissional de Mídia deve ser constante, uma vez que tudo pode servir para a sua carreira.

“Não tem atalho: estudar é muito importante. E quando eu digo isso, inclusive é sobre ficar atento a tudo aquilo que não necessariamente faça parte do seu dia a dia. Ter repertório é muito importante para o Mídia, porque você se depara com desafios diversos. E, é claro, exercite muito o pensamento estratégico”.

 

Que tal pensar a próxima grande ação de mídia do seu negócio? Conte com a RPC para isso!

 

Leia mais:

Marcas paranaenses antecipam tendências de moda para roupas e calçados

Artigos relacionados

0 respostas para “Mídias da Rede Globo dão dicas #PEGAaVISÃO para profissionais da área”

Deixe uma resposta