Menu Busca

Inovação e Tendências

Convergência dos meios para negócios locais no Paraná é um diferencial

“A convergência de meios para negócios locais” ocorreu nos dias 13 e 14 de junho, em Francisco Beltrão e Pato Branco; empresário local elogia ação

A RPC busca trabalhar o aspecto estratégico das ações em mídia junto aos seus parceiros, ao fornecer insights relevantes nas praças em que atua. E a convergência de meios para negócios locais no Paraná pode ser um excelente diferencial para a estratégia de uma empresa, como podemos conferir a seguir em uma análise  aprofundada.

Renata Mateus, Cassio Senhor e Jessie Caroline, analistas da RPC.

 

Uma estratégia para cada objetivo

Conforme explica Renata Mateus, analista de inteligência de mercado e produto sênior da RPC, quando se fala em convergência de mídia, algumas pessoas avaliam que é necessário estabelecer presença em todos os meios com grandes investimentos, e que isso é possível apenas entre as grandes marcas.

“Na verdade, não importa o tamanho da empresa, mas sim o objetivo que ela busca. Trabalhar a marca, aumentar as vendas, mudar a percepção do consumidor ou lançar um produto: para cada objetivo, uma estratégia pode ser adotada. Você não precisa estar em todos os meios ao mesmo tempo, mas pode ver em qual momento é estratégico estar em cada um, como utilizá-los e quando devem ser feitos de maneira conjunta, para potencializar a comunicação”.

 

A convergência de meios é utilizada na proporção de cada negócio, pensando estrategicamente como potencializar cada meio em cada momento, podendo fazê-los todos ao mesmo tempo ou usando alguns em cada momento do planejamento de comunicação.

Compreender o papel de cada mídia nas etapas do funil

Mais do que estar em todas as mídias ao mesmo tempo, na estratégia de convergência de meios é necessário entender qual é o papel de cada uma nas etapas do funil. Isso porque, detalha Renata, uma pode ajudar a alavancar e potencializar a ação de outra.

“Eu posso trabalhar a marca na TV antecipadamente para que o consumidor já a conheça quando o produto for lançado”, exemplifica. “Isso potencializará minhas estratégias no digital, por exemplo”.

Assim, a marca não será uma desconhecida do público que quer atingir quando fizer uma promoção nesse meio. Porém, ela faz um alerta: estar em todos os meios o tempo todo só fará sentido se isso faz parte do objetivo principal.

Dicas para campanhas locais

Além dos conselhos mencionados acima, Renata diz que o fundamental para pensar uma boa campanha local é ter bem claro qual é o objetivo que se busca, para entender o papel que cada mídia desempenhará no processo e, assim, acompanhar as métricas certas.

“Se pretendo conversão de vendas, não posso olhar para métricas de engajamento”, analisa. “A Jessie Caroline, analista de marketing performance, fez uma ótima analogia para exemplificar isso: quem lembra quem fez o gol na final da Copa do Mundo em que o Brasil foi pentacampeão? Na palestra, a maioria sabia que foi o Ronaldinho mas, quando perguntamos quem iniciou a jogada, muitos não sabiam! E a mesma coisa acontece nas estratégias de mídia: muitas vezes é fácil identificar o meio que ajudou na conversão, mas quem iniciou a jogada? Quem motivou a compra? É necessário entender que cada ‘jogador’ tem seu papel estratégico”.

Sugestão de agência local para avaliação de ROI

O evento trouxe insights para Adriano Amaro, diretor da Agência Adamo de Francisco Beltrão. Para ele, é fundamental que as pequenas empresas utilizem todas as ferramentas possíveis e adequadas ao seu target.

“É crucial ter uma boa estruturação das mídias proprietárias, como site, redes sociais e canais de comunicação direta como cliente”, salienta. “A partir disso, estruturar campanhas nos meios tradicionais dá uma velocidade e eficácia muito maior para seus canais digitais. Dentro de cada realidade particular, é possível planejar ações omnichannel  que trarão muito mais resultados”.

Além disso, o evento da RPC também serviu para ouvir sugestões e trocar experiências com as marcas e empresas do setor. Amaro foi um dos ouvidos e que trouxe ideias para os negócios do futuro.

“Sugeri que, caso houvesse mecanismos de avaliação do ROI em cases com campanhas estruturadas por pequenas marcas – e em cidades de portes semelhantes – essas seriam informações importantes para que pudéssemos projetar investimentos de pequenas verbas, trazendo mais previsibilidade ao cliente. Essas amostras dos resultados do investimento seriam bem interessantes, sem identificar os anunciantes anteriores”.

Ao realizar este diagnóstico e propor estratégias adequadas ao seu negócio, a convergência de meios pode trazer resultados benéficos e gerar oportunidades de venda em diferentes canais.

Que tal receber insights exclusivos da sua marca para uma campanha? Seja parceiro da RPC!

 

Leia mais:

Envolvimento emocional no intervalo comercial é como uma história bem contada

Artigos relacionados

0 respostas para “Convergência dos meios para negócios locais no Paraná é um diferencial”

Deixe uma resposta