Menu Busca

Economia e Setores

Empresas investem em responsabilidade social

Preocupação com o meio ambiente, trânsito e conscientização social já fazem parte do dia a dia de muitas empresas. Veja exemplos inspiradores no mundo dos negócios.

Foi-se o tempo em que empresas empenhavam-se apenas na conquista de mercado e no aumento da lucratividade. Mais conscientes e engajadas, hoje elas buscam soluções para problemas contemporâneos, como poluição, trânsito e consumo de energia elétrica. Estas empresas preocupam-se com seu entorno – porque, afinal, também estão inseridas nele – e adotam medidas diferenciadas para contribuir com o bem-estar social.

Curitiba, considerada pela ONU um modelo de desenvolvimento sustentável, tem inúmeros exemplos de marcas e empresas socialmente engajadas.

Um bom exemplo do engajamento entre instituições públicas, privadas e sociedade é o Maio Amarelo, que este ano teve sua segunda edição. Com o objetivo de alertar a população sobre os alarmantes índices de acidentes de trânsito, a iniciativa conjunta levou à sociedade várias ações e medidas socioeducativas relacionadas à conscientização e prevenção no trânsito. Atualmente o Maio Amarelo já conta com a participação e mobilização de 18 países, 223 cidades brasileiras e 500 entidades (destas, 24 internacionais) na busca por um trânsito mais seguro.

Ciclofaixas mudam o cenário das cidades e estimulam o uso da bicicleta como meio de transporte
Ciclofaixas mudam o cenário das cidades e estimulam o uso da bicicleta como meio de transporte

Mobilidade no foco das questões socioambientais

Mobilidade urbana e meio ambiente são duas questões de grande relevância para a construção de um espaço social mais harmônico. A mobilidade nas grandes cidades é um problema cada vez mais difícil de solucionar, com engarrafamentos quilométricos, transtornos no trânsito, grande quantidade de emissão de poluentes e saturação do transporte público. É aí que entra uma velha conhecida nossa: a bicicleta, um modal com potencial de resolver boa parte destes impasses.

A popularização da bicicleta como meio de transporte tem mudado os hábitos da população e até o cenário das cidades, com a inclusão de ciclofaixas em diversas vias. Mais do que interferir na mobilidade, a bicicleta também vem ganhando destaque por ser um veículo que não agride o meio ambiente e traz benefícios à saúde, diminuindo o sedentarismo para quem não tem tempo de frequentar aulas de academia.

Também cresceram o número de empresas que apostam na bicicleta para a locomoção de seus funcionários e para a realização de algumas tarefas, como serviços de entrega.

Exemplos inspiradores

Atualmente, Curitiba possui três empresas que oferecem serviços de entrega com a bicicleta como meio de transporte. Uma delas é a SemCO2, criada em 2013. Segundo o sócio-fundador da empresa, Reginato de Souza, pequenas boas ações são capazes de gerar impactos positivos no futuro. “Na minha opinião, é fundamental contribuir com o nosso entorno. Nós ofertamos um serviço de entrega que não causa danos ao meio ambiente, desafoga o trânsito da cidade e ainda emprega jovens que amam pedalar e querem fazer disso sua profissão. Então, existe uma contribuição ambiental e social . Acredito na necessidade de criar uma rede de bondade em que cada um faz sua parte. Este trabalho de formiguinha terá reflexos muito positivos daqui dez ou vinte anos”, afirma.

RPC COMERCIAL Sem co2 entregasA rede de bondade da qual a SemCO2 faz parte vem aumentando e conscientizando cada vez mais pessoas e entidades. Atualmente a empresa conta com cinco bikers, aproximadamente 170 clientes cadastrados (entre pessoas físicas e jurídicas) e atende mais de cem demandas diárias. Souza atribui o sucesso de seu empreendimento à Curitiba, que, segundo ele, é uma cidade que prima pelo desenvolvimento urbano ecológico e sustentável.

Outra iniciativa inspiradora é a Leve2Go, que combina produção gastronômica saudável e orgânica com ações que preservam o meio ambiente.
“A nossa proposta é oferecer uma alimentação saudável, preparada com carinho e cuidado, que atenda às novas demandas sociais. Então, prezamos pela agilidade , para manter a velocidade do corre-corre cotidiano, como fazem os fast-foods, mas com refeições balanceadas e ricas em nutrientes”, explica o sócio-proprietário, Júlio Armstrong.

Para Armstrong, a essência da Leve2Go, que também aposta nas entregas ecológicas, é ofertar qualidade de vida e contribuir para um ambiente mais saudável. “Nosso posicionamento busca minimizar os impactos do nosso negócio no meio ambiente e na sociedade”, conclui.

RPC COMERCIAL ecobike leve2goIniciativas de dentro para fora das organizações

A agência Opus Múltipla é outra empresa que integrou consciência ambiental ao pensamento organizacional. Através da iniciativa Pense Verde, a empresa adotou diversos comportamentos internos que fazem a diferença. “O Pense Verde engloba várias ações que visam manter uma responsabilidade social e ambiental dentro da empresa. Por exemplo, instruímos nossos funcionários a otimizar suas impressões e diminuir o consumo e desperdício de papel”, esclarece o gerente de logística, Edson Rodrigues.

Acompanhando a tendência de outras empresas, a Opus também aposta no transporte ecológico, ao adotar o serviço de entregas por bikers em 10% de suas demandas. “As empresas precisam pensar no bem-estar social e em como contribuir para que isso aconteça. Nós temos a defesa do meio ambiente como uma de nossas bandeiras e o resultado de nossas ações é vantajoso para ambos os lados”, conclui Rodrigues.

Estas iniciativas servem de inspiração para outras empresas: mais do que investir em negócios, é preciso pensar na sociedade de forma mais ampla e consciente. Vamos juntos!

Artigos relacionados

0 respostas para “Empresas investem em responsabilidade social”

Deixe uma resposta